Dicas para viagem perfeita !

Por Letícia Todesco e Brisa Noronha

Nada melhor do que aquela viagem onde tudo correu “nos conformes” e sem nenhum susto ou grave imprevisto… Para evitar todo tipo de problema, é bom se  preparar e se informar BEM, antes mesmo de fechar as malas!

Cada caso é um caso, mas aí vão algumas dicas gerais que sempre podem ser úteis

–       Problemas para trocar a data/horário de passagens sem gastar uma fortuna em ligações e com as (sempre astronômicas) diferenças de tarifa? Uma boa opção é ir diretamente ao guichê de sua empresa aérea e conversar pessoalmente com o funcionário. Alí eles conseguem maior flexibilidade e possuem opções que não aparecem nos serviços de internet ou por telefone. Simpatia e educação também costumam colaborar para que o/a atendente tenha boa vontade ao tentar resolver seu problema!

–       ORGANIZE SUA DOCUMENTAÇÃO! Se for viajar para o exterior, tenha em mãos um extrato bancário e, se possível, documentos que provam seu vínculo com alguma instituição de seu país (escola, empresa, etc). Isso ajuda para não ser barrado caso a imigração resolva implicar com você. Também deve-se sempre levar reserva do hotel e passagem de volta imprimidas ou, se for o caso, telefone de amigos e seus endereços. Como garantia, tenha também  telefone e endereço da embaixada brasileira em seu país de destino. Além disso, é bom ter anotado (E ANOTAR NÃO É NO CELULAR) telefone e nome de conhecidos e de alguém que possa se responsabilizar por você, o endereço de onde vai e o de casa. (ps: passaportes devem ter validade maior que seis meses a partir de sua data de entrada no país estrangeiro)

–       Como avisar aquele parente super preocupado que você chegou bem e está vivo? Ou como pedir socorro caso alguma coisa tenha dado errado e você precise ligar direto do aeroporto? Para esses casos, existem várias opções: o serviço Brasil direto da Embratel costuma funcionar e é bem simples. O número que deve ser discado varia de país para país, então enforme-se antes de pegar o avião! Outra opção é comprar aqueles cartões de ligações internacionais (carésimos) ou, em último caso, ir com cara de choro até o ponto de informação e pedir para fazer uma ligação.

–       Na mala:  procure não levar muitas coisas; é sempre melhor optar por peças básicas e fáceis de combinar. Sempre tenha um bom agasalho e uma calça confortável, mesmo que seja verão. Para situações de emergência, leve uma bolsinha de remédios com aqueles que costuma tomar, pastilhas de garganta, remédio para dor de ouvido (que pode ser insuportável) e um antibiótico; estes últimos costumam ser difíceis de comprar sem receita, caso você precise…Então melhor garantir.

–       Por último, mas não menos importante: PESQUISE SOBRE SEU DESTINO! Importune seus amigos que já conhecem o lugar com suas perguntas, peça dicas de onde ir, onde comer, onde NÃO ir, etc. Informe-se sobre a história do e os hábitos locais, isso ajuda para melhor aproveitamento do passeio e menores gastos. Por ex: se os taxistas locais tem o hábito de inventar preços exorbitantes e você já sabe disso, pode se defender combinando ANTES o valor que irá pagar pela corrida. Algumas das melhores dicas não se encontram em nenhum guia de viagem!

Agora sim! Feche as malas e bom proveito!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s